Cuidados pós operatório

Pós operatório é o período que se inicia imediatamente após o procedimento cirúrgico e que se segui a partir de então, e que pode durar até anos.

Existe uma série de recomendações à pacientes em período pós operatório e que estão relacionados  as atividades laborativas e atividades físicas de modo geral assim como cuidados com a ferida operatória.

 

 Retorno ao trabalho e atividades fisicas.

 

Os pacientes normalmente retornam à suas atividades laborativas e exercícios físicos após 15 dias da cirurgia. Esse tempo varia de pessoa para pessoa, já que existem pessoas mais sensíveis a dor, ansiosas e temerosas que demoram um pouco mais nessa progressão. Esse tempo de repouso de 15 dias, se enquadra mais a procedimentos menores, sem grandes traumas cirúrgicos sendo que cirurgias amplas e complexas podem necessitar de um período até superior a 30 dias para recuperação adeuqada.

O repouso pós operatório é um repouso relativo, já que o paciente não precisa ficar acamado (o que até seria ruim para evolução pós cirúrgica ), o paciente deve evitar;

  • Exercícios pesados

  • Levantamento de peso

  • Correr

  • Pular

  • Exercícios pesados de modo geral

Sendo que, andar, subir escadas, atividades leves do lar, podem ser executadas sem preocupação.

O repouso visa evitar sangramentos, evitar que os pontos da ferida se soltem, evita que machuque a ferida ou que a mesma infeccione.

 

 

Cuidados com curativos

  • O principal cuidado é manter a ferida limpa e seca. Isso envolve cuidados de higiene (como lavar as mãos, usar álcool e usar gaze estéril) ao ser manipulada, de preferência por pessoa habilitada.

  • Nós optamos por um curativo que permanece por um período de quatro dias e dispensa curativo nesse período. Após retirada desse curativo, nosso paciente pode manejar sua ferida apenas lavando a mesma com água e sabão neutro e a mantendo seca, sendo esses cuidados realizados em casa.

  • Os pontos são realizados com um tipo de fio absorvível que não há necessidade de sua retirada futuramente.

  • Proteger a ferida operatória da luz, principalmente do Sol por pelo menos 4 meses. Pode ser usado protetor solar após retirados os curativos.

 

Dieta

  • De modo geral para as cirurgias de cabeça e pescoço que não acometem a via alimentar, não há restrições alimentares específicas para a maioria dessas cirurgias cervicais . O paciente pode sentir um pouco de dor ao engolir no dia da operação, recomendando-se uma dieta leve. No dia seguinte , este incômodo é bem menor e normalmente está liberada uma dieta geral, respeitando-se as restrições de antes da cirurgia, como dieta para diabéticos e hipertensos.

  • Pacientes que foram submetidos a cirurgias que acometem a via alimentar como; cavidade oral, faringe, laringe ou esôfago, muitas vezes tem a necessidade de utilização de sondas que são colocadas pelo nariz para sua alimentação e devem seguir orientações específicas para dieta.

Alguns sinais de alerta que necessitam de avaliação do seu cirurgião com mais rapidez;

  • Leve inchaço, principalmente acima da cicatriz, é normal. Sensação leve ou moderada de tensão e fixação cervical é normal devido período fibrótico da cicatrização interna. Uma situação que requer avaliação urgente é o hematoma cervical, que se apresenta com um aumento súbito de volume do pescoço progredindo para sensação de aperto. Inicia normalmente após realização de esforço físico e no período pós - operatório precoce nas primeiras 24 horas.

 

OBS: Em caso de problemas e complicações com nosso paciente, o mesmo deve entrar em contato com o telefone pessoal do Dr. Márcio Fernandes, que foi entregue logo após a cirurgia.

Av. Mario Ypiranga, N 315

Edifício The Office, Sala 307.